“O PAROARA”: HISTÓRIA E FICÇÃO, UM MIGRANTE CEARENSE DURANTE O PRIMEIRO CICLO DA BORRACHA (1860-1912)

Érika Francelino Vieira

Resumo


História e Literatura se assemelham na intenção de relatar um acontecimento, diferenciando-se entre realidade e ficção. Nesse trabalho, busca-se, através da análise do livro “O Paroara” do escritor radicado cearense Rodolfo Teófilo, compreender como o texto literário representa a realidade do migrante cearense para o Acre no período do primeiro ciclo da borracha. E até onde se pode utilizar da Literatura, nos gêneros que buscam representar a realidade, como fonte histórica. Em primeiro momento, são analisadas as relações entre História e Literatura, apresentado um resumo da obra “O Paroara”, uma breve biografia de Rodolfo Teófilo, a contextualização histórica do primeiro ciclo da borracha, a explicitação dos gêneros literários do livro. Por fim a comparação da narrativa do romance com a historiografia acerca do período proposto.

History and literature are similar in intention to relate an event, differentiating between reality and fiction. In this work, we seek, through the analysis of the book “O Paroara” by the Cearense-based writer Rodolfo Teófilo, to understand how the literary text represents the reality of the Ceará migrant to Acre in the period of the first rubber cycle. And as far as you can use Literature, the genres they seek actually display as a historical source. At first, they are analyzed as relations between History and Literature, reported as a summary of “O Paroara”, a brief biography of Rodolfo Teófilo, a historical contextualization of the first cycle of rubber, an explanation of the book's literary genres and finally an analysis, the narrative of the novel with a historiography of the proposed period.

Texto completo:

PDF


Campus da Universidade Federal de Rondônia

Centro de Documentação e Estudos Avançados sobre Memória e Patrimônio de Rondônia - CDEAMPRO

BR 364, Km 9,5 - CEP: 78900-000 - Porto Velho - RO

E-mail: luciano_leal_lima@msn.com