A PRESENÇA DAS MULHERES MIGRANTES E SEU PAPEL NA EDUCAÇÃO EM ROLIM DE MOURA – RONDÔNIA

Maria Aparecida da Silva, Odete Burgeile

Resumo


O presente trabalho tem o propósito analisar o papel das mulheres no processo migratório e procura debater a influência das mesmas na construção da história de Rolim de Moura desde suas origens, ou seja, entre as décadas de 1970 e 1980. O intuito é expor a importância destas migrantes no processo migratório de diferentes regiões brasileiras para este município.  A investigação sobre a história deste grupo específico deu-se a partir da Metodologia da História Oral, da Roda de Conversa e do método autobiográfico. Ambas norteadas pelas entrevistas e aplicação de questionários. Além do mais, foi fundamental a pesquisa descritiva e a documental com interesse de preservar ideias individuais e coletivas que vem conduzindo tal processo que vem ocorrendo desde 2010 na região de Rolim de Moura, capital da Zona da Mata do Estado de Rondônia. Local que se tornou espaço de homens e mulheres que vieram em busca de terras e que teria se originado a partir de um núcleo essencialmente rural. Os resultados da pesquisa indicam que inúmeras atividades foram desenvolvidas pelas mulheres migrantes e seus papéis variam de acordo com o grau de ocupação no que se refere à abertura das terras, na ocupação de vagas no setor comercial e na educação rolimourense. Além dos mais os dados obtidos partem dos olhares femininos das migrantes entrevistadas e suas expectativas na realização dos sonhos, não delas, mas dos filhos e esposos, ou seja, as perspectivas sempre estiveram vinculadas aos laços familiares.

Palavras-chave


Migração; Mulheres; História; Terra; Rolim de Moura

Texto completo:

PDF


Campus da Universidade Federal de Rondônia

Centro de Documentação e Estudos Avançados sobre Memória e Patrimônio de Rondônia - CDEAMPRO

BR 364, Km 9,5 - CEP: 78900-000 - Porto Velho - RO

E-mail: luciano_leal_lima@msn.com