CONSIDERAÇÕES FONÉTICO-FONOLÓGICAS PRELIMINARES DA ‘LÍNGUA-DE-SANTO’ E DA ‘LÍNGUA-DA-GENTE-DE-SANTO’ EM TERREIROS DE CANDOMBLÉ DE RIO BRANCO – AC

Océlio Lima Oliveira, Shelton Lima de Souza

Resumo


O presente artigo tem por finalidade fazer uma descrição fonético-fonológica preliminar da ‘língua-de-santo’ e da ‘língua-da-gente-de-santo’ (PESSOA DE CASTRO, 1968a e 1968b; 1977; 1980; 1983) faladas em um terreiro de candomblé na cidade de Rio Branco – AC. Inicialmente, foi feito um levantamento geral dos principais fones usados por adeptos do candomblé em três canções oferecidas ao orixá EXU e em itens lexicais usados pelos adeptos em situações corriqueiras do terreiro. Posteriormente ao levantamento dos fones, analisou-se a ocorrência desses pares de fones, particularmente os foneticamente semelhantes, para se verificar o status fonológico, tendo como base os pressupostos teórico-metodológicos da fonologia estruturalista (PIKE, 1947). A partir da análise fonético-fonológica geral, verificou-se que a ‘língua de santo’ e a ‘língua do povo de santo’ têm o repertório fonético e características fonológicas similares ao do português brasileiro analisado por Mattoso Câmara Jr. (2008) e Cristófaro-Silva (2007).

 


Palavras-chave


linguagem;etnografia;candomblé

Texto completo:

PDF


Campus da Universidade Federal de Rondônia

Centro de Documentação e Estudos Avançados sobre Memória e Patrimônio de Rondônia - CDEAMPRO

BR 364, Km 9,5 - CEP: 78900-000 - Porto Velho - RO

E-mail: luciano_leal_lima@msn.com