DA UTOPIA AO SONHO DE IDENTIFICAR MARCAS SÓCIO-LINGUÍSTICO-CULTURAIS DOS RIBEIRINHOS DA RESEX DO LAGO DO CUNIÃ

Maria Neves Oliveira

Resumo


Esta pesquisa tem como objetivo apresentar as etapas desenvolvidas do projeto “Marcas Sócio-linguísticos-culturais dos Ribeirinhos da Amazônia Rondoniense”, que será realizada na comunidade da Reserva Extrativista do Lago do Cuniã, buscando-se fomentar projetos que visem preservar a língua, a cultura e a identidade do povo ribeirinho que ali reside. Os sujeitos da pesquisa serão os moradores do Lago, dentre eles, pescadores, “jacarezeiros”[1], extrativistas, agricultores e alunos. O referencial teórico que fundamentou este trabalho abrangeu estudiosos da Linguística, Sociolinguística, Antropologia, Educação e História (Labov, Lyons, Pessoa, Paulo Freire, Malinowski, entre outros). Optou-se por utilizar nesta pesquisa o modelo teórico da Sociolinguística Quantitativa e Qualitativa. Os instrumentos utilizados serão: observação participante, entrevista semi-estruturada, conversas informais (diários de campo). E, para registro dos dados serão utilizadas fichas, caderno de anotações, câmera fotográfica digital e gravador.

[1] Nome que os próprios ribeirinhos dão aqueles que trabalham com a caça do jacaré.


Palavras-chave


Língua – Cultura – Ribeirinho

Texto completo:

PDF


Campus da Universidade Federal de Rondônia

Centro de Documentação e Estudos Avançados sobre Memória e Patrimônio de Rondônia - CDEAMPRO

BR 364, Km 9,5 - CEP: 78900-000 - Porto Velho - RO

E-mail: luciano_leal_lima@msn.com