AVALIAÇÃO DE ATIVIDADES ANTRÓPICAS, ATRAVÉS DE ANÁLISE MULTITEMPORAL DE IMAGENS ORBITAIS, NA RESERVA BIOLÓGICA DO JARU, RONDÔNIA

Anderson Paulo Rudke, Agni Cristina Carvalho de Brito, Jéssica Cristina Carreira, Rafael Ranconi Bezerra, Alex Mota dos Santos

Resumo


As Reservas Biológicas tem como objetivo a preservação integral da biota e demais atributos naturais existentes em seus limites. Neste sentido, o presente trabalho busca através de ferramentas de sensoriamento remoto demonstrar a ocupação e degradação da Reserva biológica do Jaru, utilizando-se de imagens orbitais, multitemporais, do satélite LANDSAT. Ao se trabalhar com imagens multitemporais é possível delimitar e calcular o desflorestamento referente aos períodos, definindo-se a taxa de expansão e os prováveis impactos ambientais. Além de estudos da área, para a proteção de reservas, é necessário atividades de conscientização e políticas públicas, ampliação de ações fiscalizadoras e eficazes dos órgãos competentes como ICMbio, Ibama, SEDAM, e também ações conjuntas de organizações não governamentais (ONGs) e associações.


Texto completo:

PDF


Contador de Acessos/ Access Counter


Mapa de Acessos/ Access Map