Relações raciais na escola: a convivência, a discriminação e as estratégias de enfrentamento / Racial relations in school: living together, discrimination and the strategies of standing up to

Claudemir da Silva Paula

Resumo


Do ponto de vista da sua natureza, esta pesquisa é aplicada, pois objetiva gerar conhecimentos para aaplicação prática, dirigida à solução de um problema específico: inclusão da temática Afro-brasileira e Africananos currículos escolares. Em relação à forma de abordagem do problema, trata-se de uma pesquisa qualitativa.Partimos do princípio de que há uma relação dinâmica entre língua(gem), educação e Cultura Afro-brasileira,onde o mundo objetivo e a subjetividade dos sujeitos não podem ser traduzidos somente em números. Alémdisso, não criamos situações para experimentos, mas tivemos o ambiente natural das escolas como fonte diretapara coleta de dados. Essa perspectiva, portanto, pressupôs a heterogeneidade de ações e de recursos utilizadospara a realização da coleta de dados, exigindo a aplicação conjunta de instrumentos sociolingüísticos: observaçãoparticipante, entrevista semi-estruturada oral e/ou video-gravadas, depoimentos gravados, conversas informais equestionários com perguntas abertas e de múltipla escolha, aplicados em cinco etapas distintas ecomplementares. Os sujeitos da pesquisa são alunos, professores e gestores de escolas da rede pública domunicípio de Vilhena. A pesquisa de campo foi realizada no ano de 2008.Palavras-Chave. Educação. Discriminação. Relações-Raciais.ABSTRACT: From the point of view of its nature, this research is applied and aims to generate knowledge forpractical application towards a solution for a specific problem: inclusion of the Afro-Brazilian and Afro-American themes in curricula. In respect to the approach it is a qualitative research. To start, we assume thatthere is a dynamic relationship between language, education and Afro-Brazilian culture, in wich the objectiveworld and the subjectivities can’t be translated only in numbers. Also, we didn’t create situations forexperiments, but adopted the natural conditions of the schools as a direct source to data collection. Thisperspective, therefore, assumed the heterogeneity of actions and resources used to collect data, requiring theapplication of complementary instruments of the Sociolinguistics: participant observation, semi-structured faceto-face interviews or taped ones, recorded statements, informal discussions and questionnaires with open andmultiple choice questions, applied in five distinct and complementary steps. The subjects are students, teachersand administrators of public schools of the city of Vilhena. The field research was conducted in 2008.
Keywords. Education. Discrimination. Racial Relations.

Texto completo:

PDF PDF


Revista Científica Gaia

revistagaiaunir@gmail.com