AGRONEGÓCIO LEITE: CARACTERÍSTICAS DA CADEIA PRODUTIVA DO ESTADO DE RONDÔNIA

Mariluce Paes-de-Souza, Mário M. Amin, Sebastião Teixeira Gomes

Resumo


O agronegócio do leite vivenciou na década de 1990 um período de grandes transformações, em função do processo de abertura da economia, da desregulamentação governamental e da estabilização econômica, o que demandou a sua reorganização. Em função das mudanças no ambiente institucional verificou-se um movimento lento e gradual, o qual objetivava a melhoria da qualidade e o aumento do volume de produção do leite. Em Rondônia, a modernização do setor se inicia com a criação do Programa de Desenvolvimento da Pecuária Leiteira (PROLEITE), partindo do ambiente institucional com a alteração na legislação do ICMS do Estado para criação de um fundo, a partir de subsídios ao segmento industrial, visando à estruturação da cadeia produtiva e sua preparação para tornar-se mais competitiva. O estudo buscou analisar a Cadeia Produtiva do Leite visando identificar suas principais características. Na análise, descreve-se os segmentos da produção, industrialização e distribuição da cadeia de leite de Rondônia, diagnosticando os ambientes institucional, organizacional e empresarial.

Palavras-chave


agronegócio do leite, cadeia produtiva, Rondônia-Amazônia

Texto completo:

PDF


INDEXADORES

 

Logo DIADORIM
Este Periódico possui Licença Creative Commons CC BY-NC-ND 4.0

 

contador grátis