A FORMAÇÃO HUMANA E AMBIENTAL NO ENSINO SUPERIOR: CURSO DE ADMINISTRAÇÃO

Alessandra Aparecida Berton Rodrigues

Resumo


Diversas sociedades vivem em uma espécie de guerra constante, com as desigualdades afloradas e imperando uma nova lei do valor, por meio do abandono da educação, da pedagogia da exclusão e da propagação de formas perversas de sociabilidade e, considerando que a formação acadêmica em nível superior deve oferecer instrumentos e mediar às atividades de docentes e discentes para com a sociedade, na qual se enquadram, a educação ocupa então, um papel importante para que essa interação ocorra de maneira correta, justa e consciente, fazendo-se importante a formação humana e ambiental, assim, a pesquisa poderá contribuir para suscitar reflexões sobre a formação do administrador e, diante dos desafios sociais e ambientais atuais, faz-se necessário provocar reflexões, sobre a necessidade de perceber as responsabilidades e necessidades que exerce para a construção de uma cidadania democrática e consciente. Nesse contexto, propõe-se o seguinte questionamento: “Qual a representação social dos docentes sobre sua formação humana e socioambiental no Curso de Administração?” E, para que esta problemática consiga ser respondida, tem-se como objetivo geral identificar e analisar como se dá a formação humana e socioambiental do administrador no curso de Administração sob o enfoque dos docentes.

 

PALAVRAS-CHAVE: Formação Humana e Ambiental, Ensino Superior, Administração.


Texto completo:

PDF


Periódico com início em 2018.  Avaliação Qualis 2017-2018-  B3
Indexado em: