Os critérios e a metodologia da sociolinguística no levantamento e na análise da contribuição das línguas africanas às variedades do português vernáculo brasileiro

Catherine Bárbara Kempf, Oziel Marques da Silva

Resumo


O presente ensaio pretende tão-somente ser uma reflexão – que julgamos necessária no estado atual da "arte" – sobre o embasamento e a elaboração dos critérios lingüísticos e sociolingüísticos que deveriam nortear os levantamentos e as análises que pretendemos fazer no que diz respeito ao vocabulário e aos eventuais traços lingüísticos característicos da(s) variedade(s) brasileira(s) do português, variedade essa que se desenvolveu e foi elaborada pelos falantes em mais de quatro séculos dos mais diversos contatos de línguas neste extenso território – neste “eco-sistema lingüístico” - chamado "Brasil".

Palavras-chave


embasamento, teoria, metodologia, sociolinguistica

Texto completo:

PDF