VIVENCIAS GEOGRÁFICAS PLURALES DE GÉNERO, SEXUALIDAD Y RAZA EN INMIGRANTES AFRO-AMERICANAS EN LA CIUDAD DE SANTIAGO DE CHILE

Martin Ignacio Torres-Rodriguez

Resumo


Este artigo esta baseado nas multiples vivencias de três mulheres afro americanas imigrantes na cidade de Santiago do Chile, provenientes de Colômbia e Equador. Gerando um texto com visão geográfica cultural, entendendo os processos de discriminação-xenofobia que têm vivenciado as entrevistadas, gerando uma analises na revisão bibliográfica referente à cultura e contexto social atual do pais. Alias, se indaga na discriminação por gênero e raça das entrevistadas, fundamentando a pesquisa em exponentes da geografia e filosofia feminista como Foucault, Butler, Duncan, Silva e Soto. Justificando a temática da raça na geografia baseando-se na bibliografia brasileira, a qual tem tido uma amplia gama de leituras sobre preconceito por raça e/ou cor das pessoas; assim como também agora nas novas leituras brasileiras da ultima década, tem gerado uma importante reflexão sobre a raça e o gênero, com expoentes como Ornat, Ratts, Junior e Abramo. 


Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.36026/rpgeo.v2i1.1294

INDEXADORES E BASE DE DADOS:

                                    

 

         

  

 

APOIO:

  

Revista Presença Geográfica (RPGeo): ISSN 2446-6646