O OLHAR FOTOGRÁFICO DA COLÔNIA GETÚLIO VARGAS/RS

Patricia Lilian Mokfa

Resumo


Abordar o processo de imigração e colonização a partir das imagens fotográficas têm revelado particularidades sobre a representação de/e sobre os núcleos coloniais. No presente estudo, analisam-se as imagens fotográficas produzidas sobre o colono/ imigrante, na qual, foi a mão de obra na construção da colônia de Getúlio Vargas, situada no norte do Rio Grande do Sul, no período de 1908 a 1934. Justifica-se o recorte temático dado a sua relevância e ausência de estudos nessa linha. Partindo do conceito de representação de Chartier (1991), objetiva-se perceber como os fotógrafos representaram a formação da colônia de Getúlio Vargas, no que diz respeito aos espaços fotografados, a instalação dos colonos em seus lotes, a correlação entre colonização e ferrovia, a organização do espaço urbano da colônia no início do século XX; e contribuir para o conjunto de estudos historiográficos sobre a história social.


Texto completo:

PDF


Resultado de imagem para PROPESQ UNIR