ENTRE HISTÓRIA E LITERATURA: A CIRCULAÇÃO DE ROMANCES PORTUGUESES NO PERIÓDICO DIÁRIO DE BELÉM

Lueny Amanda Oliveira França, Juliana Maia de Queiroz

Resumo


 

RESUMO

Os jornais que circulavam no território brasileiro no século XIX eram importantes veículos de divulgação literária. Segundo Zilberman (2007) os periódicos oitocentistas não só continham literatura, mas faziam parte da literatura, uma vez que neles circulavam diariamente publicações de diversos gêneros literários. Os periódicos oitocentistas são suportes importantíssimos para o historiador contemporâneo recuperar dados sobre a circulação de obras literárias. O estudo de periódicos, e particularmente de anúncios, evidencia uma intensa circulação de romances portugueses, principalmente na segunda metade do século XIX, momento em que o gênero romance estava consolidado na Europa. A intensa publicação de periódicos se expande em todo território nacional chegando ao norte do Brasil. Na província do Pará, um dos jornais de maior destaque era o Diário de Belém, disponível no site da hemeroteca digital brasileira, que circulou entre 1868 até aproximadamente 1892. A presente pesquisa se propõe a localizar e examinar anúncios de romances, particularmente os portugueses, presentes no periódico Diário de Belém com o objetivo de investigar a presença de romances dessa nacionalidade na Belém do século XIX, por meio da coleta e exame de reclames de romances publicados nesse jornal no final da década de sessenta e início dos anos setenta daquele século, momento em que o gênero romance encontra-se consolidado também no Brasil.

 


Palavras-chave


PALAVRAS-CHAVE: História do livro e da leitura. Circulação de romances portugueses. Anúncios de romances.

Texto completo:

PDF


Resultado de imagem para PROPESQ UNIR