A MARCAÇÃO DA DIFERENÇA: IDENTIDADE E ESTIGMA NO CONFLITO ALEXANDRINO DE 38 D.C.

Nicodemo Valim de Sena

Resumo


O presente artigo tem como objetivo analisar o conflito etnoreligioso entre gregos, egípcios e judeus ocorrido na cidade de Alexandria durante o Alto Império. Para tanto, procuramos evidenciar de que forma o uso de estigmas e rotulações foram essenciais para afirmar ou depreciar a identidade cultural dos atores sociais envolvidos.

Palavras-chave


Alexandria; estigma; identidade.

Texto completo:

PDF