SOBRE O “HISTORIAR” MEDIEVAL: O LUGAR DAS CRÔNICAS E DOS CRONISTAS NA ESCRITA DA HISTÓRIA

Odir Fontoura

Resumo


O presente artigo tem por objetivo analisar como deu-se a escrita da história na Idade Média, bem como perceber como alguns cronistas medievais compreendiam a ideia de “verdade” e como, consecutivamente, viam a diferença entre “história” e “ficção”, até refletir, naturalmente, como por vezes são tênues as fronteiras entre essas duas noções no medievo. Também verificar-se-á como era a relação dos cronistas com o seu contexto e como lidavam as com as mais diferentes esferas do poder medieval: o rei, a Igreja ou as cidades. Também pretende-se introduzir uma reflexão historiográfica a respeito da posição em que as crônicas e os cronistas ocupam nos estudos contemporâneos de história medieval.


Palavras-chave


Crônicas medievais, Cronistas medievais, Escrita da História na Idade Média

Texto completo:

PDF


Resultado de imagem para PROPESQ UNIR