O lugar do estágio com pesquisa na formação inicial de professores de ciências

Rosa Oliveira Marins Azevedo, Amarildo Menezes Gonzaga

Resumo


Estudo a respeito da formação de professores de Ciências dos anos finais do Ensino Fundamental, em que se desenvolveu uma discussão a respeito do lugar do Estágio Curricular Supervisionado nessa formação; não o estágio como aplicação de conhecimento, mas o estágio como produção de conhecimento. Neste sentido, tratou-se do estágio com pesquisa e procurou-se responder aos seguintes questionamentos: a) como o estágio é visto e qual o foco quando se trata do estágio com pesquisa na formação de professores de Ciências?; b) qual a importância conferida à pesquisa no estágio e quais os espaços em aberto para esse tipo de estudo; c) quais lacunas são observadas e quais tendências em trabalhos que discutem o estágio na formação de professores. Para responder a tais questões valeu-se de uma interpretação crítica, por meio de uma pesquisa bibliográfica. O estudo mostrou que o estágio com pesquisa pode se configurar como eixo articulador da construção e produção de conhecimento do trabalho docente, a partir uma ação de intervenção/investigação, que envolve três dimensões formativas: conceitual, procedimental e atitudinal.


Palavras-chave


Formação de professores de Ciências. Estágio com pesquisa. Dimensões formativas.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.26568/2359-2087.2018.3408



Direitos autorais 2018 EDUCA - Revista Multidisciplinar em Educação



Revista EDUCA     |     e-ISSN 2359-2087     |     DOI https://doi.org/10.26568

A Revista Educa é signatária da DECLARAÇÃO DO MÉXICO - Declaração Conjunta LATINDEX-REDALYC-CLACSO-IBICT que recomenda o uso da licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual (CC BY-NC -SA, em inglês) para garantir a proteção da produção acadêmica e científica regional em Acesso Aberto.

Educa Journal is signatory of MEXICO DECLARATION - LATINDEX-REDALYC-CLACSO-IBICT Joint Declaration recommending the use of the license to ensure the protection of academic production and regional scientific research in Open Access.

La Revista Educa es signataria de la DECLARACIÓN DE MÉXICO - Declaración Conjunta LATINDEX-REDALYC-CLACSO-IBICT que recomienda el uso de la licencia Creative Commons Asignación-NoComercial-CompartirIgual (CC BY-NC -SA, en inglés) para garantizar la protección de la producción académica y científica regional en Acceso Abierto.