Tecnologias digitais e formação inicial de professores: práticas docentes no curso de Licenciatura em Ciências Biológicas do IFAM

Aline Zorzi Schultheis de Freitas, Nelson de Luca Pretto, Clarides Henrich de Barba

Resumo


Este artigo tem como objetivo analisar como as TIC estão presentes nas práticas docentes dos professores formadores no Curso de Licenciatura em Ciências Biológicas do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Amazonas (IFAM). Foi realizada uma pesquisa qualitativa com dados coletados por meio de um questionário semiestruturado e entrevistas, das quais os participantes foram nove acadêmicos e dez professores do Curso de Licenciatura em Ciências Biológicas do IFAM. O questionário respondido pelos acadêmicos era composto de nove perguntas abertas e fechadas, e tinha como objetivo conhecer os sujeitos da pesquisa, o motivo de estarem cursando um curso de licenciatura, como as TIC estavam presentes na formação dos envolvidos e qual a opinião dos mesmos sobre utilizar as TIC na educação. As entrevistas realizadas com os professores formadores do referido curso teve como objetivo investigar como as TIC estão presentes nas práticas pedagógicas de formação desses alunos na universidade. Os resultados apontam que embora os professores formadores do curso de Licenciatura em Ciências Biológicas tenham utilizado as TIC, ainda são poucos aqueles que as têm utilizado para estimular a criatividade e autonomia, visando a produção de conhecimentos e não apenas a reprodução.

 


Palavras-chave


Tecnologia da Informação e Comunicação. Formação Inicial de Professores. Prática Docente.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.26568/2359-2087.2017.2472



Direitos autorais 2017 EDUCA - Revista Multidisciplinar em Educação



Revista EDUCA     |     e-ISSN 2359-2087     |     DOI https://doi.org/10.26568

A Revista Educa é signatária da DECLARAÇÃO DO MÉXICO - Declaração Conjunta LATINDEX-REDALYC-CLACSO-IBICT que recomenda o uso da licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual (CC BY-NC -SA, em inglês) para garantir a proteção da produção acadêmica e científica regional em Acesso Aberto.

Educa Journal is signatory of MEXICO DECLARATION - LATINDEX-REDALYC-CLACSO-IBICT Joint Declaration recommending the use of the license to ensure the protection of academic production and regional scientific research in Open Access.

La Revista Educa es signataria de la DECLARACIÓN DE MÉXICO - Declaración Conjunta LATINDEX-REDALYC-CLACSO-IBICT que recomienda el uso de la licencia Creative Commons Asignación-NoComercial-CompartirIgual (CC BY-NC -SA, en inglés) para garantizar la protección de la producción académica y científica regional en Acceso Abierto.