Uma revisão da cultura da performatividade no trabalho docente

Lady Daiana Oliveira da Silva, Núbia Regina Moreira

Resumo


RESUMO:

Este trabalho constitui um relato de experiência cujo objetivo é discutir sobre a recontextualização da performatividade na prática docente por meio dos sentidos de desempenhos de excelência, estimulando a concorrência e potencializando a performance dos/as professores/as. Utilizamos, para subsidiar nossa análise, os estudos de Stephen Ball (2012; 2005; 2002; 1992) acerca das reformas na educação e da busca pela performatividade, além do Ciclo de Políticas que compreende que as fases de formulação e implementação das políticas não são estanques ou lineares, uma vez que os processos políticos sofrem reinterpretações por parte dos sujeitos envolvidos na política. Para essa incursão apresentamos, em linhas gerais, uma discussão teórica sobre a performatividade e o perfil dos educadores. Em seguida, apresentamos o relato de experiência e as reflexões sobre ele. E, por fim, as considerações finais nas quais argumentamos que durante a análise da experiência vivenciada, o discurso de qualidade na busca da homogeneidade e da eficácia do ensino configurou-se como uma política discursiva e um mecanismo performático. E como resultado percebemos que esse discurso influenciou na difusão de uma identidade fixa de professores que estava sujeita ao reformismo e associada ao sentido de qualidade, eficiência, adaptação, flexibilidade e inovação. 


Palavras-chave


Performatividade. Currículo. Trabalho docente.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.26568/2359-2087.2018.2431



Direitos autorais 2018 EDUCA - Revista Multidisciplinar em Educação



Revista EDUCA     |     e-ISSN 2359-2087     |     DOI https://doi.org/10.26568

A Revista Educa é signatária da DECLARAÇÃO DO MÉXICO - Declaração Conjunta LATINDEX-REDALYC-CLACSO-IBICT que recomenda o uso da licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual (CC BY-NC -SA, em inglês) para garantir a proteção da produção acadêmica e científica regional em Acesso Aberto.

Educa Journal is signatory of MEXICO DECLARATION - LATINDEX-REDALYC-CLACSO-IBICT Joint Declaration recommending the use of the license to ensure the protection of academic production and regional scientific research in Open Access.

La Revista Educa es signataria de la DECLARACIÓN DE MÉXICO - Declaración Conjunta LATINDEX-REDALYC-CLACSO-IBICT que recomienda el uso de la licencia Creative Commons Asignación-NoComercial-CompartirIgual (CC BY-NC -SA, en inglés) para garantizar la protección de la producción académica y científica regional en Acceso Abierto.