Escritas à deriva: memórias escolares nas redes sociais virtuais

Robson Fonseca Simões, Fábio Santos de Andrade, Jussara Santos Pimenta

Resumo


O tempo das tecnologias digitais revolucionou os olhares, as atenções e as emoções dos sujeitos na história da escrita/leitura, ressignificando, portanto, as funções e as relações do usuário junto à tela do computador. Quando se navega na internet, também é possível se deparar com narrativas saudosistas, nostálgicas; o ex-aluno se apropria da palavra, da cultura e dos meios para relatar a sua vida. Nesse território virtual, o usuário almeja colocar em cena as suas histórias escolares. Mas quem são estes sujeitos? Quais os significados e intenções que os usuários atribuem aos seus textos? Navegando nas Comunidades do Orkut do Colégio Militar do Rio de Janeiro e do Colégio Marista São José do Rio de Janeiro foi possível refletir que o conjunto dessas escritas digitais permite ao pesquisador encontrar descrições variadas sobre a vida cotidiana escolar. Valho-me dos estudiosos Castillo Gòmes (2000), Vinhao (1997), Chartier (2002), Bauman (2011), e Lejeune (2009) para me ajudar a pensar que os sujeitos também se constroem nos diversos suportes de escrita. 


Palavras-chave


Memórias Digitais. Redes Sociais do Orkut. História da Educação.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.26568/2359-2087.2016.1729



Direitos autorais



Revista EDUCA     |     e-ISSN 2359-2087     |     DOI https://doi.org/10.26568

A Revista Educa é signatária da DECLARAÇÃO DO MÉXICO - Declaração Conjunta LATINDEX-REDALYC-CLACSO-IBICT que recomenda o uso da licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual (CC BY-NC -SA, em inglês) para garantir a proteção da produção acadêmica e científica regional em Acesso Aberto.

Educa Journal is signatory of MEXICO DECLARATION - LATINDEX-REDALYC-CLACSO-IBICT Joint Declaration recommending the use of the license to ensure the protection of academic production and regional scientific research in Open Access.

La Revista Educa es signataria de la DECLARACIÓN DE MÉXICO - Declaración Conjunta LATINDEX-REDALYC-CLACSO-IBICT que recomienda el uso de la licencia Creative Commons Asignación-NoComercial-CompartirIgual (CC BY-NC -SA, en inglés) para garantizar la protección de la producción académica y científica regional en Acceso Abierto.