O consumo sob a ótica social e ambiental – relato de experiência em um espaço de educação não formal

Elenice Monte Alvarenga, Letícia Montanholi Apolinário, Dirce Zan

Resumo


Este trabalho apresenta relato e reflexões acerca da experiência de estágio supervisionado realizado em um espaço de educação não formal na Universidade Estadual de Campinas por alunos dos cursos de Licenciatura em Ciências Biológicas e em Matemática. Em um grupo de faixa etária de 11 a 14 anos foram desenvolvidas atividades que visavam à exploração da perspectiva social e ambiental das ações e relações de consumo. Assim, percebeu-se que a mídia exercia importante papel nas decisões relativas ao consumo e na profusão de um modelo de desenvolvimento dissociado da preservação ambiental. Quanto às habilidades de expressão linguística e matemática, notou-se noção frágil dos conhecimentos essenciais para o desenvolvimento destas. Obteve-se como fruto do trabalho: aprendizado docente significativo para professores em formação, relativo às experiências vividas pelos estagiários, e deflagração do desenvolvimento de visão mais crítica por parte dos educandos, que poderão atuar como irradiadores das ideias e práticas relativas ao consumo consciente. 


Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.26568/2359-2087.2014.1092



Direitos autorais



Revista EDUCA     |     e-ISSN 2359-2087     |     DOI https://doi.org/10.26568

A Revista Educa é signatária da DECLARAÇÃO DO MÉXICO - Declaração Conjunta LATINDEX-REDALYC-CLACSO-IBICT que recomenda o uso da licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual (CC BY-NC -SA, em inglês) para garantir a proteção da produção acadêmica e científica regional em Acesso Aberto.

Educa Journal is signatory of MEXICO DECLARATION - LATINDEX-REDALYC-CLACSO-IBICT Joint Declaration recommending the use of the license to ensure the protection of academic production and regional scientific research in Open Access.

La Revista Educa es signataria de la DECLARACIÓN DE MÉXICO - Declaración Conjunta LATINDEX-REDALYC-CLACSO-IBICT que recomienda el uso de la licencia Creative Commons Asignación-NoComercial-CompartirIgual (CC BY-NC -SA, en inglés) para garantizar la protección de la producción académica y científica regional en Acceso Abierto.